Prefeito de Quissamã tem bens bloqueados pela Justiça

O prefeito de Quissamã-RJ, Armando Carneiro (PSC) saiu em disparada com destino ao Rio de Janeiro. Hoje caiu sobre sua cama uma pemba do tamanho de um Boeing. A Justiça Federal acolheu Ação Civil Pública, processo número 0002201-38.2010.4.02.5103 (2010.51.03.002201-3), proposta pela Procuradoria Geral da República e determinou a indisponibilidade dos seus bens até o limite de R$ 10 milhões.

A pemba nasceu num contrato entre a prefeitura e a Imbesps, uma Oscip que opera um contrato de cessão de mão-de-obra e mais 17 parcerias com o município na área de saúde. O MPF constatou que os termos de parcerias estão eivados de ilegalidades. Os prejuízos do município chegariam a R$ 52 milhões. A decisão da 1ª Vara atinge também a presidente da Oscip, Dayse Maria Malafaia Quintan.

A ação é assinada pela Procuradora Margareth de Cássia Thomaz Rostey e o despacho foi do juiz Elder Fernandez Luciano. O inferno não termina agora. Já estão sendo acostados documentos junto ao MPF e a Justiça Federal mostrando que o prefeito pratica vilanias para atrapalhar o andamento das investigações. Sendo assim, um afastamento de Armando não será surpresa. Mas ele está correndo da pemba. Já partiu para o Rio de Janeiro para tentar um mandado de segurança. Fonte: Blog A Mosca Azul

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.