Emtransfi desenvolve ações por um trânsito mais cidadão

O número alarmante de óbitos por acidente de trânsito no município de São Francisco de Itabapoana registrados no ano de 2012, que apontam para um índice 133% maior que a média nacional, vem fazendo com que a Empresa Municipal de Trânsito (Entransfi) promova ações no sentido de minimizar esse quadro. Campanhas de conscientização, maior fiscalização e frases apelativas em placas instaladas em pontos estratégicos da cidade, foram algumas das alternativas encontradas nesse sentido.
 – Se conseguirmos reverter esse quadro, evitando uma morte que seja, já terá sido compensador e, para isso, a Emtransfi tem procurado conscientizar os motoristas, mudando a cultura do desrespeito à sinalização. Nos casos abusivos, vem sendo utilizado o recurso da multa. Há na Entransfi um acompanhamento sistemático desses acidentes e, por coincidência
ou não, as estatísticas apontam felizmente para uma melhora no quadro em 2013– destacou José Amilton Barreto da Silva, presidente da Emtransfi.
A Emtransfi desenvolve, também, um curso de capacitação dos agentes de trânsito, composto por seis módulos e com carga-horária de 120h, dentro dos padrões do Denatran. “Se alguns motoristas desavisados receberem algum tipo de notificação, pedimos que tenha compreensão, pois estamos tentando salvar vidas com um trânsito mais seguro”, completou José Amilton.

Estatísticas – Pelos cálculos da Emtransfi, foram registados, no ano de 2012, no Brasil, 42 mil óbitos por acidentes de trânsito em um universo de 190 milhões de pessoas. A média, portanto, é uma morte a cada 4.524 pessoas. No caso de São Francisco, ocorreu em 2012 um total de 22 mortes. Para estar dentro do índice nacional, deveria acontecer, no máximo, nove mortes por ano. Fonte: Ascom -SFI

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.