Acessos ao Porto do Açu foram fechados

Protesto
O jornal O Globo de hoje (25), publicou matéria, que tambem está no jornal Estado.com, onde proprietários rurais do distrito de Cajueiro, município de São João da Barra, no Norte Fluminense, fecharam no início da manhã desta segunda-feira todas as estradas de acesso ao canteiro de obras do Porto do Açu, empreendimento do empresário Eike Batista, onde trabalham cerca de 1.500 operários.

O protesto é contra a desapropriação feita nas terras destes agricultores para permitir obras de infraestrutura do acesso ao porto, um dos maiores investimentos privados em andamento no Estado do Rio de Janeiro.

A LLX, responsável pela construção do Porto, ainda não informou se o protesto realmente conseguiu impedir a chegada dos operários para trabalhar. Caminhões que estavam levando materiais para as obras foram retidos nas barreiras montadas pelos agricultores. Eles reclamam que as desapropriações foram feitas aleatoriamente e que a maior parte ainda não recebeu as indenizações. Fonte: OGlobo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.